segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Volkswagen Kübelwagen Type 82

O Volkswagen Kübelwagen (carro balde/banheira) foi um veículo militar desenhado
por Ferdinand Porsche e construído pela Volkswagen durante a Segunda Guerra Mundial para ser usado pelas Forças Armadas da Alemanha Nazista (tanto a Wehrmacht quanto a Waffen-SS).
Baseado no Volkswagen Fusca, foi inicialmente chamado de Type 62 (protótipo), mas eventualmente ficou com o número interno de modelo Type 82 .
Sua leveza, agilidade e ausência de fluido de refrigeração (evitando o congelamento e ebulição em climas extremos) não demorou para demonstrar sua superioridade em relação aos veículos 4x4 dos exércitos adversários. Enquanto seu chassis e mecânica eram construídos na KDF Stadt (agora Wolfsburg), sua carroceria era produzida pela firma Ambi Budd em Berlin (ironicamente era uma firma americana). O Kübelwagen era para os alemães como o Jipe era para os Aliados.
Embora Adolf Hitler tenha cogitado com Ferdinand Porsche a possibilidade de uma aplicação Militar para o "Volkswagen" já em abril de 1934, foi apenas em janeiro de 1938 que altos oficiais do Terceiro Reich encomendaram formalmente o projeto de um carro militar barato e leve, que pudesse ser utilizado tanto dentro como fora das estradas, mesmo nas mais inóspitas condições, tudo isso baseado na plataforma do Fusca.
Porsche iniciou os trabalhos do projeto imediatamente, entregando um protótipo no mesmo mês, mas durante o desenvolvimento logo percebeu que não bastaria apenas reforçar o chassi do Fusca para aguentar o uso contínuo que os militares dariam ao carro. Tratando-se de um veículo de tração traseira e motor de 1100cc, seria necessário que tal veículo fosse muito leve para poder ser utilizado satisfatoriamente em percursos off-road, de fato, a própria encomenda estipulava um peso máximo de 550 kg. Porsche então subcontratou a firma Trutz para ajudá-lo com a carroceria, valendo-se da vasta experiência deles em fabricar carrocerias para veículos militares.
Os militares começaram a testar o veículo após novembro de 1938, quando os protótipos foram formalmente apresentados. Embora não contasse com tração nas quatro rodas, características básicas dos Jipes militares americanos, o carro mostrou-se excelente em terrenos acidentados, mesmo em comparação com os veículos 4x4 alemães contemporâneos, o baixo peso e o diferencial auto-blocante compensaram a falta de capacidade 4x4.

Aguarde a próxima postagem de uma réplica do Kübelwagen completamente Brasileira .

Um comentário:

João Leão Lyrio disse...

Havia SIM, o kubelwagen c/ tração 4x4, na 1a. marcha apenas . . .